15 de setembro de 2010

Dicas para vestibulandos-1 / Teste Rápido














Aberta a temporada de vestibulares


Atualmente já não chega a fazer tanto sentido falar numa “temporada”, pois há muito mais quantidade de ofertas de vagas nos cursos superiores, Brasil afora, em locais e momentos bem variados, do que há alguns anos atrás. Mas, ainda é no segundo semestre que se concentra maior parte dos vestibulares importantes do país. Vou aproveitar este espaço pra dar algumas dicas, para os candidatos a uma vaga na universidade, sobretudo pública. Há muitos sites a respeito na internet, então, o que posso garantir é um conteúdo próprio, original e consistente, que sugira algumas das principais tarefas a cumprir, para obter sucesso na empreitada.
Bom, antes de começar, só gostaria de registrar meu desagrado com o que virou uma paranoia, que ajudou a piorar, em muito, o curso do ensino médio no país, e, o curso da vida de muitos adolescentes, arrebatados cada vez mais cedo com responsabilidade e cobrança de gente grande.
Como não dá pra fugir disso, pelo menos por enquanto, vamos tentar facilitar as coisas pra você, caro jovem.

Primeiro, vou falar sobre o que realmente faz diferença para a aprovação de um candidato. Esses critérios se tornam mais úteis ainda, se considerarmos o ENEM como parte da seleção. Infelizmente, preencher todos esses requisitos é algo difícil para muita gente. Mas vai a informação, para você saber pelo menos os motivos de base que podem lhe tirar da jogada.
Um candidato terá altas chances de aprovação em qualquer universidade do Brasil, mesmo em cursos concorridos, se preencher os seguintes requisitos básicos:
1.       Tiver hábito de leitura constante: de livros literários, best-sellers, revistas, jornais, etc., pelo menos, 30 h ao mês (30 pontos)
2.       Tiver hábito de escrever: cartas, poesias, histórias, crônicas, etc. na média, pelo menos dois textos ao mês (20 pontos)
3.       Tiver estudado, sempre ou quase sempre, em escola de boa qualidade, com ensino crítico, com abordagem interessante sobre artes, com assiduidade dos professores, e sua, também, claro. (30 pontos)
4.       Se mantiver informado sobre política, sociedade e atualidades (as principais formas de se conseguir isso são o contato com livros, revistas como Veja, Superinteressante, etc, com jornais, telejornais, por exemplo, Jornal da Record, Fantástico, etc. Um conteúdo interessante, e bem acessível, você encontra na programação de emissoras como a Cultura, TV Brasil, que oferecem programas culturais, educativos, mesas redondas, etc.) - pelo menos 30 horas ao mês (10 pontos)
5.       Tiver hábito de conversar sobre temas bacanas, com pessoas inteligentes. (10 pontos)

Se você não se encaixa nesses critérios, não tenha dúvida: pode ser mais difícil pra você (mas não impossível). Vai depender da sua competência pessoal e do que você vai fazer pra conseguir seu objetivo: ser aprovado no vestibular.

O TESTE:
Acima, coloquei cinco pontos centrais. Faça uma conta rápida:
Dê uma nota de para cada um dos cinco itens (veja sugestão de pontuação máxima para cada item, nos parênteses). Quanto mais perto de cem, maiores são suas chances. Se fizer, por exemplo, 50 pontos, terá cerca de 50% de chances de ser aprovado. Mas não esqueça: seja muito sincero nas suas notas, pois só assim você saberá com maior exatidão suas chances, no momento.
Se você tiver uma pontuação alta, alegre-se  ...mas continue estudando firme.
No próximo post, vamos dar as primeiras dicas, importantes principalmente para quem não consegue preencher os requisitos acima muito bem; ou seja, não consegue uma boa pontuação no nosso pequeno teste. Até lá! Abraço!




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
0 Comentários
Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário